Plantas para Decoração

plantas-para-decoração

Morando na cidade ou não, é sempre bom ter a natureza por perto. E quando falamos de apartamentos ou casas com pouca área externa, logo pensamos em plantas para decoração. Mas o que parece ser um assunto fácil, pode trazer muitas dúvidas na hora de escolher a planta ideal para se integrar ao ambiente da sua casa.

Existem muitas plantas que não vão te dar trabalho e mesmo assim, podem ficar lindas por muito tempo na sua casa. As plantas além de dar uma agraciada na sua casa, também deixa a qualidade do ar consideravelmente melhor, portanto, invista um pouquinho de tempo e muito amor.

Dicas de Plantas

Uma das plantas que pode s manter linda e bela com pouca ou nenhuma luz, quase nada de ventilação e água poucas vezes na semana é o Lírio da Paz, além é claro de manter o ar livre de muita coisa ruim. Ficam lindos em qualquer parte da casa, graças  às suas folhas características verde-escuro e suas flores delicadas e branquinhas.

Lírio-da-Paz

Lírio-da-Paz

As Palmeiras Ráfis dão um clima mais elegante e tropical, a cara do Brasil. Ficam perfeitas em salas e hall, pois são imponentes e bem verdinhas.

Ráfis

Ráfis

O Pau d’água é ótimo para escritórios pois é resistente ao ar condicionado e ambientes fechados. Não precisa de luz direta para se manter verdinha e com suas belas listras amareladas por cima.

Pau D'água

Pau D’água

A Rosa de Pedra é perfeita para apartamentos, pois não suporta a luz do sol e armazena a água nas folhas, o que significa que deve ser regada no máximo 1 vez na semana. Além de linda pelo seu formato, pode ser usada para fazer arranjos maravilhosos.

Rosa-de-Pedra

Rosa-de-Pedra

A Samambaia é a preferida de muita gente, porém, quando cultivada indoor merece uma atenção especial, pois ela precisa ser regada constantemente, para que a s folhas não sequem e caiam.

Samambaia

Samambaia

Se quiser dar uma corzinha fugindo do verde total, aposte nos Antúrios. Essa planta não deve ficar sob a luz direta, mas tampouco sobrevive se estiver em ambientes escuros.

Antúrio

Antúrio

 

Deixe um comentário